Matéria Tarobá News: Doença nos rins pode ser silenciosa

Hoje é o Dia Mundial do Rim. O objetivo é sensibilizar a população em geral para as doenças renais que afetam milhões de pessoas em todo o mundo, que possam estar em risco. É crucial promover a educação para a saúde, consciencializar a população, para a importância de um estilo de vida saudável, desde o nascimento até à idade adulta. A detecção precoce e a adoção de um estilo de vida saudável são fortes aliados para evitar o aumento do número de casos das doenças renais crônicas.

É fundamental combater o aumento da incidência de doença renal prevenível, nomeadamente lesão renal aguda e doença renal crônica, assim como tratar precoce e atempadamente. Para isso, deve ser incentivada e promovida a educação para a saúde, a detecção precoce de doença renal e a adaptação de estilos de vida saudável na infância, desde o nascimento e até à idade adulta.

Mas qual é a importância dos rins no organismo? Os rins têm diversas funções, essenciais à manutenção da vida.

Limpam o sangue, removendo as toxinas e os líquidos em excesso. São estas toxinas e líquidos em excesso que constituem a urina.

Regulam os níveis de água e sais do sangue, tais como o sódio e o potássio.

Regulam a pressão arterial e o pH do organismo.

São cruciais na formação do sangue, libertando hormonas muito importantes: Eritropoetina (estimula a medula óssea na produção de glóbulos vermelhos), Renina (regula a pressão arterial) e síntese de vitamina D (contribui para o equilíbrio químico do organismo e para a fixação do cálcio nos ossos).

A obesidade é um fator de risco potente para o desenvolvimento de doença renal. A boa notícia é que a obesidade, bem como doença renal crônica, é em grande parte evitável. Educação e conscientização dos riscos da obesidade e um estilo de vida saudável, incluindo nutrição adequada e exercício físico, pode ajudar dramaticamente na prevenção da obesidade e doença renal.

Fonte: Redação Tarobá News
Ciência e saúde | Publicado em 08/03/2018 às 13:28